Relatório Especial

Rússia Olhos de ouro sudanês para financiar a guerra

Logo após a invasão russa da Ucrânia, um avião cargueiro russo ficou parado em uma pista de pouso em Khartoum, Sudão.

De acordo com a CNN, o manifesto do avião alegou que estava carregado com biscoitos. Quando os inspetores embarcaram no avião para confirmar seu conteúdo, eles encontraram alguns biscoitos. Mas sob os biscoitos, eles também encontraram uma tonelada de ouro contrabandeado destinado à Rússia para ajudar a financiar sua guerra na Ucrânia.

Leia este artigo
Academia

A evolução do envolvimento da RPC no México
A evolução do envolvimento da RPC no México

Visão geral O México, apesar de sua integração com a economia dos Estados Unidos, bem como de sua desconfiança histórica e concorrência estrutural com a República Popular da China (RPC), está seguindo políticas que estão expandindo opções para aquele país, causando sérias implicações estratégicas para os Estados Unidos e a região. O México sempre demonstrou ambigüidade estratégica em relação à RPC. Fez parte da primeira onda de países latino-americanos a estabelecer relações com a República Popular da China, fazendo isso em fevereiro de 1972. O México foi também um dos primeiros países da região reconhecido pela RPC como um parceiro [ … ]

Nicarágua: Ditadura e Colaboração com Rivais Extra-Hemisféricos dos EUA
Nicarágua: Ditadura e Colaboração com Rivais Extra-Hemisféricos dos EUA

Esta peça foi originalmente publicada no site do Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais, 29 de agosto de 2022. Em 9 de junho de 2022, o governo da Frente Sandinista de Libertação Nacional (FSLN) da Nicarágua renovou a autorização das forças militares russas para operar no país. Ao fazê-lo, lembrou aos Estados Unidos e ao hemisfério que o regime ditatorial de Daniel Ortega não só continua a revogar os direitos de seu próprio povo à escolha democrática, à livre expressão e a outros direitos humanos fundamentais, mas também serve como ponto de entrada para a projeção de ameaças na região [ … ]

O Poder E A Influência: Suas Aplicações Nas Organizações Militares Do Exército Brasileiro
O Poder E A Influência: Suas Aplicações Nas Organizações Militares Do Exército Brasileiro

1 INTRODUÇÃO A dinâmica e a complexidade da interação humana estão sendo cada vez mais objetos de estudos para se alcançar resultados e a efetividade nas ações. Todavia, líderes de todos os setores da sociedade enfrentam dificuldades em superar esses desafios em um mundo em constante transformação, onde as pessoas estão cada vez mais distantes e ao mesmo tempo tão próximas umas das outras. A informação e a situação mudam todos os dias, sendo fundamental estar em condições de responder às transições dinâmicas da atualidade. Nesse contexto, possuir militares que possam se sobressair nos ambientes operacionais complexos contemporâneos, perante a [ … ]

O uso do Soft Power (Poder Suave) pela China em apoio ao seu engajamento estratégico na América Latina
O uso do Soft Power (Poder Suave) pela China em apoio ao seu engajamento estratégico na América Latina

Introdução A expansão do engajamento e da e presença da República Popular da China (RPC) na América Latina e no Caribe capturou a atenção dos líderes políticos e empresariais e do povo da região, bem como dos Estados Unidos da América (EUA). Embora o envolvimento da RPC e o uso do Soft Power tenham dimensões políticas, culturais, de segurança e outras, pode-se dizer que a atenção que a RPC atrai na região é impulsionada principalmente pelo ritmo de ascensão da China e pela atração de se beneficiar da China por meio de engajamento e participação nos negócios. Para a América [ … ]

Revistas

Brigadeiro Barry Cornish, da Força Aérea dos EUA, comandante das Forças Aéreas S
Primordialmente, nos dedicamos à cooperação para a segurança. Nós nos concentramos nos domínios aeroespaciais e cibernéticos. Nossas hipóteses de planejamento e nossa campanha apoiam a rede de planos com o planejamento e a estratégia da campanha do SOUTHCOM.
Brigadeiro Barry Cornish, da Força Aérea dos EUA, comandante das Forças Aéreas S
General de Brigada Steven Ortega, comandante da Força de Defesa de Belize
Nosso relacionamento com o México é muito bom. Atualmente, oferecemos ao México direitos de sobrevoo, para que possam localizar os voos ilegais e identificar onde eles poderiam pousar, para que estejamos em uma melhor posição de resposta. Realizamos patrulhas combinadas ao longo da fronteira com os mexicanos e isso está funcionando de maneira excelente.
General de Brigada Steven Ortega, comandante da Força de Defesa de Belize
General de Brigada Miguel Ángel Rivas Bonilla, subchefe do Estado-Maior Conjunto da Força Armada de El Salvador
Nós nos integramos de diferentes maneiras para combater o crime organizado transnacional em nossas fronteiras. Uma delas é através da Conferência das Forças Armadas Centro-Americanas, onde desenvolvemos relações baseadas no apoio e na confiança mútua, entre os quais se destacam os patrulhamentos de fronteiras transnacionais.
General de Brigada Miguel Ángel Rivas Bonilla, subchefe do Estado-Maior Conjunto da Força Armada de El Salvador