JTF-Bravo reinicia operações de apoio em Honduras e Guatemala

JTF-Bravo reinicia operações de apoio em Honduras e Guatemala

Por Kay Valle/Diálogo
novembro 23, 2020

Apenas alguns dias depois de ajudar os países da América Central, após a devastação causada pelo furacão Eta, as equipes da Força-Tarefa Conjunta Bravo (JTF-Bravo, em inglês) do Comando Sul dos EUA (SOUTHCOM) estão novamente em Honduras e Guatemala para prestar assistência nas áreas afetadas pelo furacão Iota. Ambos os furacões atingiram a América Central em duas semanas, causando deslizamentos de terra e inundações que deslocaram comunidades inteiras e deixaram dezenas de pessoas desaparecidas e mortas.

Em 18 de novembro, a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID, em inglês) anunciou que iria designar US$ 17 milhões adicionais em ajuda vital às pessoas afetadas na Guatemala, Honduras e Nicarágua. A doação permitirá fornecer alimentos, suprimentos de higiene, artigos de socorro essenciais e proteção para as pessoas mais vulneráveis.

“A nossa equipe está pronta para continuar o combate”, disse o Coronel do Exército dos EUA John D. Litchfield, comandante da JTF-Bravo, em um comunicado. “Estamos orgulhosos de continuar trabalhando com nossos parceiros e com a USAID para levar suprimentos àqueles que mais o necessitam. Os nossos corações estão com todos os que foram afetados por estas tempestades.”

As equipes das forças dos EUA concentrar-se-ão principalmente na entrega de ajuda humanitária nas áreas de difícil acesso na região e apoiarão os esforços de busca e salvamento, afirmou o Escritório de Assuntos Públicos da JTF-Bravo em um comunicado.

Segundo um relatório do governo de Honduras, seis departamentos do noroeste do país foram atingidos por este último furacão, deixando mais de 738.000 pessoas afetadas e causando danos em casas, infraestruturas públicas e áreas cultivadas.

Na Guatemala, o Coronel do Exército Rubén Antonio Téllez, diretor de imprensa do Ministério da Defesa da Guatemala, disse à Diálogo que as chuvas do Iota voltaram a afetar as áreas propensas a deslizamentos nos estados de Alta Verapaz, Quiché e Zacapa.

A Embaixada dos EUA na Guatemala indicou na sua conta do Twitter que dois helicópteros CH-47 Chinook da JTF-Bravo foram destacados “para trabalhar com @Exército_GT [Exército da Guatemala], levando alimentos e suprimentos para as áreas mais afetadas pela tempestade #Iota”.

Durante as suas missões de salvamento e apoio humanitário às comunidades afetadas pelo Eta em Honduras, Guatemala e Panamá, a JTF-Bravo resgatou 289 pessoas e transportou mais de 171 toneladas métricas de suprimentos para salvar vidas, informou o Escritório de Assuntos Públicos da força.

“Esse resultado que obtivemos de apoio é graças a essa grande colaboração e entendimento com o Departamento de Defesa [dos EUA] e o SOUTHCOM”, disse à Diálogo o General de Exército (R) Fredy Santiago Díaz Zelaya, secretário de Defesa de Honduras. “Agradecemos ao Almirante de Esquadra [Craig S.] Faller [comandante do SOUTHCOM] pela sua grande liderança e, acima de tudo, por estar tão atento com Honduras, pela sua disposição e grande apoio.”

Share