Veterinários da Promessa Continuada oferecem treinamento aos contrapartes jamaicanos

Por Dialogo
abril 14, 2011


Veterinários militares embarcaram no USNS Comfort (T-AH 20), junto com outros veterinários civis, e iniciaram aulas sobre parasitologia diagnóstica para os veterinários técnicos da Jamaica, durante uma visita ao porto de Kingston, Jamaica, como parte da Promessa Continuada 2011 (CP11), no dia 10 de abril.

A capitão do Exército dos EUA Rachel Lee e os técnicos de assistência veterinária, sargentos do Exército Heather Robinson e Bethzabe Delgado, demonstrarão o primeiro trabalho sobre animais para alimentação que o país já viu nas duas últimas décadas.

“Na Jamaica, ministraremos aulas no laboratório nacional de diagnóstico, e provavelmente teremos uma grande influência, visto que eles não têm um estudo parasitológico sobre animais para alimentação desde 1980”, disse Lee. “Esses estudos são muito importantes no momento da escolha dos animais para alimentação, porque existem diversas coisas que os animais podem comer e que fariam com que as pessoas não se alimentassem de sua carne com segurança”.

Lee disse que ela e sua equipe ministrarão pelo menos três aulas e trabalharão um a um com os técnicos de saúde rural animal.

“Estou muito feliz por estar nessa missão, porque participei apenas de uma outra missão semelhante nas Filipinas, em escala muito pequena em relação a animais de grande porte, e participar da CP11 será muito interessante para mim”, disse Robinson. “Tenho grande vontade de ajudar os habitantes locais a aprenderem mais sobre a melhoria de suas vidas e sua alimentação, porque seus animais são o esteio de suas vidas”.

A missão da CP11 consiste em assistência veterinária além de intercâmbio médico, odontológico, de engenharia e habilidades específicas. A missão é voltada para ajudar as pessoas e construir parcerias duradouras com todas as nações do Caribe e regiões da América Central e América do Sul.

O Comfort também visitará a Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, Haiti, Jamaica, Nicarágua e Peru.



Share