A Guatemala capacita nações parceiras em manutenção de paz

Guatemala Trains Partner Nations in Peacekeeping

Por Manuel Ordoñez/Diálogo
setembro 01, 2016

Desde 1º de julho de 2004, uma parte do bosque nublado localizado no departamento de Alta Verapaz, no norte da Guatemala, tem funcionado como centro de treinamento militar para missões de paz da Organização das Nações Unidas (ONU) no estrangeiro. Conhecido como Comando Regional de Treinamento de Operações de Manutenção da Paz (CREOMPAZ, por sua sigla em espanhol), o centro de treinamento tem a certificação dos Cursos de Estado Maior e Observador Militar da ONU. O CREOMPAZ tem características de “centro de treinamento regional”, devido ao fato de que todos os países que compõem a Conferência das Forças Armadas da América Central (CFAC) enviam seus oficiais a essas instalações para que recebam o treinamento para Operações de Paz, como explicou a Tenente-Coronel Karen Pérez, porta-voz do ministério da Defesa da Guatemala. Os efetivos que passaram pelas aulas do CREOMPAZ cumpriram missões em vários países, entre eles Haiti, Colômbia, Costa do Marfim, Burundi, Congo, Sudão do Sul, Sudão do Norte, República Centro-Africana, Etiópia, Eritreia, Líbano e Nepal. As instalações do CREOMPAZ se situam em um terreno onde antigamente estava o Centro de Instrução e Treinamento do Exército, no qual funcionava a Escola de Artilharia e a Escola de Cadetes Profissionais, Relações Públicas e a Escola de Operações de Paz do Exército da Guatemala. “Eles são preparados para participar em ambientes das Missões de Operações de Paz ou onde seus países decidirem enviá-los, de acordo com a especialização adquirida e as capacitações obtidas", acrescentou a Ten Cel Pérez. Como membro da Direção Geral de Gestão Integral de Redução de Riscos do Ministério da Defesa da Guatemala, o Coronel reformado Luis Fernando Román participou do treinamento oferecido pelo CREOMPAZ. Experiência única A experiência do Cel Román à frente da Unidade Humanitária de Resgate o levou a fazer parte da equipe que prestou assistência durante o terrível terremoto no Haiti em 2010. “O treinamento no CREOMPAZ serviu para que eu pudesse falar o mesmo idioma com os colegas de outros exércitos, que também prestaram serviço durante a emergência. Todos sabíamos o que fazer e como fazê-lo, sem pôr nossas vidas em risco nem as da população civil", explicou o Cel Román. "No CREOMPAZ, todos passamos por uma área comum de treinamento, que consiste nas normas e protocolos a serem seguidos por todas as forças de paz, quer sejam observadores, polícia militar ou outros, para podermos conviver com a população civil e com os demais militares. Depois fazemos os cursos de especialização", acrescentou o Cel Román. O Exército da Guatemala participa de missões na República Democrática do Congo, na África, y no Haiti, onde os militares desempenham as funções de polícia militar para as forças de paz da ONU. Além das aulas presenciais na escola, CREOMPAZ tem uma associação com o Instituto para Formação em Operações de Paz (POTI, por sua sigla em inglês), com sede nos EUA, o para proporcionar sem custo algum cursos de aprendizagem à distância sobre a manutenção da paz.
Share