Estados Unidos doam lancha patrulheira a Honduras

Estados Unidos doam lancha patrulheira a Honduras

Por Secretaria de Defesa Nacional de Honduras
julho 16, 2021

A capacidade operacional da defesa de 220.000 quilômetros de fronteira marítima e dos recursos naturais de Honduras foi fortalecida a partir de 9 de julho de 2021, com a doação da lancha patrulheira de guarda-costas “Río Aguán” FNH-8502 por parte dos Estados Unidos.

“Esse é um dia especial, que demonstra o compromisso dos soldados e das missões realizadas diariamente para que a Secretaria de Defesa possa estar sempre pronta e disponível para cumprir a missão designada nas áreas correspondentes, respeitando nossas leis e disposições”, destacou o General de Exército (R) Fredy Santiago Díaz Zelaya, secretário de Defesa Nacional de Honduras.

Ele acrescentou que o recebimento dessa embarcação significa o fortalecimento dessa luta para proteger os objetivos comuns: “Quero externar que o adestramento que as Forças Armadas de Honduras realizam todos os dias é focado nessas tarefas que efetuam por ar, terra ou mar.”

Por sua vez, o adido militar de Defesa dos EUA, Christopher Pateras, afirmou: “Estamos felizes por colaborar com instituições como a Secretaria de Defesa Nacional [de Honduras] e atender às necessidades de segurança e soberania do país; esperamos continuar com esse trabalho em conjunto para benefício dos hondurenhos.”

Além disso, ele disse que “a lancha patrulheira de guarda-costas ‘Río Aguán’ tem capacidade para 10 tripulantes e tecnologias avançadas de radar, comunicação e motores, e também aumentará a frota naval hondurenha, fortalecendo a capacidade das Forças Armadas de Honduras na luta contra o narcotráfico e outras ameaças”.

Apoio diverso

O General de Exército Tito Livio Moreno Coello, chefe do Estado-Maior Conjunto, explicou que “a história de apoio que tivemos de nossos irmãos norte-americanos data de muito tempo, não apenas na entrega de equipamentos, mas também em intercâmbio acadêmico, cultural e de outros tipos, que fortalecem nossos laços sinceros de amizade e fraternidade”.

Da mesma forma, o Contra-Almirante José Jorge Fortín, comandante da Força Naval de Honduras (FNH), garantiu que “o fato de que um governo e forças armadas parceiras doem à FNH uma embarcação e o equipamento utilizado para a luta contra o narcotráfico e outros crimes demonstra um grande compromisso de nossas autoridades máximas, e que estamos fazendo as coisas certas e seguindo o caminho adequado”.

O oficial disse ainda que “com essa doação serão incrementadas as missões de patrulhamento marítimo em nossa área de responsabilidade no Mar do Caribe, de vigilância, interdição marítima contra o contrabando, o narcotráfico e outras atividades ilegais, além de missões de busca e resgate, transporte de pessoal e apoio a outras instituições do Estado”.

Capacidades

Com essa embarcação, a FNH também exercerá um melhor e maior controle da pesca e monitoramento ambiental, apoiando a frota pesqueira nacional e a participação em operações navais conjuntas e exercícios multinacionais.

Para realizar esse projeto de doação, foram necessários a cooperação e os esforços da Secretaria de Defesa Nacional, Estado-Maior Conjunto, Força Naval de Honduras, Embaixada dos Estados Unidos, Comando Sul dos EUA e Gabinete de Cooperação em Segurança dos EUA.

Share