Equipes da Guarda Costeira a bordo do USS Lassen confiscam drogas ilegais no Caribe

Equipes da Guarda Costeira a bordo do USS Lassen confiscam drogas ilegais no Caribe

Por Relações Públicas das Forças Navais do Comando Sul dos EUA
maio 26, 2020

O destroier de mísseis guiados classe Arleigh Burke USS Lassen (DDG 82), levando a bordo a equipe do Destacamento Policial (LEDET, em inglês) da Guarda Costeira dos EUA, confiscou mais de 1.500 quilos de maconha, no dia 2 de maio.

Durante um patrulhamento de rotina a aproximadamente 24 quilômetros ao nordeste da ilha Navassa, uma ilha desabitada no Mar do Caribe entre o Haiti e a Jamaica, administrada pelo Departamento do Interior dos EUA, um Sea Hawk MH-60R a bordo, lotado no “Proud Warriors” do Esquadrão de Helicópteros de Ataque Marítimo Nº 72, Elemento de Combate Nº 2, localizou uma lancha rápida de 10 metros com três supostos traficantes de drogas, que lançavam pacotes ao mar.

Em um esforço coordenado, tripulantes da pequena embarcação do USS Lassen, junto com os membros do LEDET, se dirigiram ao lugar para investigar melhor o incidente e recuperaram um total de 65 pacotes de maconha, totalizando mais de 1.500 kg.

“Esse é um excelente exemplo do trabalho de equipe a bordo do USS Lassen”, disse o Capitão de Fragata da Marinha dos EUA Judson Mallory, oficial de comando do USS Lassen. “Nossos navios e aeronaves têm capacidades especiais e nossas equipes trabalharam juntas de maneira eficaz para realizar essa operação com segurança e êxito.”

O USS Lassen está destacado na área de operações da Quarta Frota dos EUA, para apoiar a missão avançada das operações de combate às drogas do Comando Sul dos EUA e da Força-Tarefa Conjunta Interagencial Sul no Caribe.

No dia 1º de abril, o Comando Sul dos EUA iniciou as operações antinarcóticos avançadas no hemisfério ocidental para interromper o fluxo de drogas, em apoio aos Objetivos Presidenciais de Segurança Nacional. Diversas agências dos EUA dos Departamentos de Defesa, Justiça e Segurança Nacional cooperaram com o esforço de combate ao crime organizado transnacional. A Guarda Costeira, a Marinha, o Serviço de Alfândega e Proteção de Fronteiras, o FBI, a Administração para o Controle de Drogas e o Departamento de Imigração e Controle de Fronteiras, junto com agências parceiras aliadas internacionais, desempenham funções essenciais nas operações antidrogas.

A luta contra os cartéis de drogas no Mar do Caribe requer uma unidade de esforços em todas as suas fases, desde a detecção, o monitoramento e as interdições, até os processos criminais pelos parceiros internacionais e procuradorias dos EUA nos distritos de toda a nação. A fase de manutenção da ordem pública das operações de luta contra o contrabando no Mar do Caribe é realizada sob a autoridade do 7º Distrito da Guarda Costeira, com sede em Miami. As interdições, incluindo as abordagens reais, são comandadas e conduzidas por membros da Guarda Costeira dos EUA.

As Forças Navais do Comando Sul dos EUA apoiam as operações militares conjuntas e combinadas do Comando Sul dos EUA, empregando forças marítimas em operações de cooperação marítima de segurança, para manter o acesso, aprimorar a interoperabilidade e criar parcerias duradouras, com o objetivo de fortalecer a segurança regional e promover a paz, a estabilidade e a prosperidade no Caribe, na América Central e na América do Sul.

Share