Jogos Militares Mundiais: Vagas do Futebol Decididas

Brasil e Trinidad e Tobago classificados
NAME | 16 novembro 2010

As seleções de futebol masculino do Brasil e de Trinidad e Tobago irão representar as Américas nos V Jogos Militares Mundiais em julho do ano que vem no Rio de Janeiro.

No torneio classificatório, que contou com a participação de sete nações, realizado pelas Forças Armadas do Suriname em Paramaribo, de 5 a 14 de novembro, as seleções do Brasil e de Trinidad e Tobago passaram fácil pela competição até se encontrarem em uma final difícil com duas prorrogações e duas rodadas de cobranças de pênaltis.

O Brasil ganhou por 5x4 e levou o título para casa, onde jogará contra as principais seleções militares do mundo. Trinidad e Tobago também estará lá, com a esperança de uma revanche contra o Brasil.

As Forças Armadas de Barbados, Brasil, Canadá, Equador, Suriname, Trinidad e Tobago e Estados Unidos competiram no torneio classificatório, conhecido como o Campeonato Continental de Futebol das Forças Armadas de 2010.

Trinidad e Tobago jogaram no mesmo grupo de Suriname e Canadá, enquanto Barbados, Brasil, Equador e Estados Unidos formaram o outro grupo.

O torneio foi programado para oito seleções, mas o Uruguai desistiu de participar.

Isso provocou alterações de última hora na programação, afirmou William Von Ohlen, funcionário da seleção americana.

Os EUA perderam os dois primeiros jogos contra o Brasil e Barbados antes da vitória por 4x3 sobre o Equador no dia 11 de Novembro, dia do veterano nos Estados Unidos.

Von Ohlen afirmou ainda que existe muita camaradagem entre os atletas militares.

“Parte do objetivo é a amizade através do esporte. Ficamos todos nos mesmos hotéis. Todas as seleções se dão realmente bem”, disse Von Ohlen.

Ele acrescentou que muitos dos atletas trocaram equipamentos e outras lembranças.

O torneio começou no dia 6 de novembro, com Trinidad e Tobago superando a nação anfitriã, Suriname, por 3x2.

Mais tarde, naquele mesmo dia, o Brasil derrotou os EUA por 2x0.

No dia 7 de novembro, o Equador derrotou Barbados por 2x0, e no dia seguinte, a seleção do país sede arrasou o Canadá por 7x1.

O torneio continuou no dia 9 de Novembro em Paramaribo com dois jogos. No primeiro, Barbados derrotou os EUA por 3x1, e na sequência, o Brasil arrebatou sua segunda vitória no torneio com um 2x0 sobre o Equador.

No dia 10 de novembro, Trinidad e Tobago obteve sua segunda vitória no torneio classificatório por 5x1 contra o Canadá.

No dia 11 de novembro, o Brasil venceu sua terceira partida no torneio, derrotando Barbados por 4x1, e logo depois, os EUA ganharam seu primeiro jogo, com o placar de 4x3 sobre o Equador.

As semifinais foram Brasil x Suriname pelo Grupo A, e Trinidad e Tobago x Equador pelo Grupo B.

O Brasil venceu a seleção anfitriã por 3x2 na semifinal do Grupo A, no caminho para o título.

Com três gols do atacante Devorn Jorsling, Trinidad e Tobago passou pelo Equador por 4x3. Foi o segundo jogo em que Jorsling marcou três vezes no torneio.

Mas ele acabou levando um cartão vermelho e ficou de fora da final do campeonato contra o Brasil.

Resultados do torneio

Jogo 1: Trinidad e Tobago 3x2 Suriname

Jogo 2: Brasil 2x0 EUA

Jogo 3: Equador 2x0 Barbados

Jogo 4: Suriname 7x1 Canadá

Jogo 5: Barbados 3x1 EUA

Jogo 6: Brasil 2x0 Equador

Jogo 7: Trinidad e Tobago 5x1 Canadá

Jogo 8: Brasil 4x1 Barbados

Jogo 9: EUA 4x3 Equador

Semifinal: Trinidad e Tobago 4x3 Equador

Semifinal: Brasil 3x2 Suriname (prorrogação)

Disputa pelo 3º lugar: Equador 3x2 Suriname

Final: Brasil 5x4 Trinidad e Tobago (disputa de pênaltis)

Classificação Final

1. Brasil

2. Trinidad e Tobago

3. Equador

4. Suriname

5. EUA

6. Barbados

7. Canadá

Compartilhar:
Comente:
Gosta dessa história? Sim 41
Carregando conversa