Fuerzas Comando 2012: Olimpíada Militar Antiterrorismo

Fuerzas Comando é um exercício militar de caráter esportivo, com o objetivo de fortalecer as relações entre os membros das Forças Armadas do continente americano, bem como compartilhar destrezas, técnicas e táticas na luta contra o terrorismo.
WRITER-ID | 1 de jun de 2012

As equipes de competidores de cada país são formadas por quatro atiradores de assalto, dois atiradores de alta precisão e um competidor adicional. (Foto: FuerzasComando.com)

Fuerzas Comando é um exercício militar de caráter esportivo, com o objetivo de fortalecer as relações entre os membros das Forças Armadas do continente americano, bem como compartilhar destrezas, técnicas e táticas na luta contra o terrorismo.

Patrocinado pelo Comando Sul dos EUA e pelo Comando de Operações Especiais do Exército dos Estados Unidos, o evento terá lugar no Forte Militar de Tolemaida, Colômbia, entre 6 e 14 de junho.

Este é o nono ano consecutivo de competição, onde cada país demonstrará com sua atuação o melhor de seus homens de elite”, afirmou o Major Manuel Ortiz, do Departamento de relações públicas do Comando de Operações Especiais do Exército dos EUA.

Nesta ocasião, 22 países competirão na chamada Olimpíada Antiterrorismo da América: Bahamas, Belize, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Estados Unidos, Guatemala, Guiana, Honduras, Jamaica, México, Panamá, Paraguai, Peru, Uruguai, República Dominicana, Suriname e Trinidad e Tobago. Canadá e México participarão pela primeira vez das olimpíadas, como demonstração da união regional contra o terrorismo e em prol da segurança.

Até o momento, o Fuerzas Comando foi realizado em oito oportunidades. O primeiro encontro foi em El Salvador em julho de 2004 e contou com a participação de representantes de 16 países latino-americanos. Seguiram-se Chile, Paraguai, Honduras, Estados Unidos, Brasil, República Dominicana e El Salvador novamente, em 2011.

Durante o exercício são realizados dois eventos paralelos: as competições, para as quais os países participantes enviam uma delegação formada por sete competidores e um juiz, e o Programa de Visitantes Ilustres, projetado pelo Tenente-Brigadeiro-do-Ar Douglas Fraser, comandante do Comando Sul dos EUA. Deste último participam representantes dos ministérios da Defesa e dos Comandos de Forças Especiais dos países da região para tratar de temas relacionados às ameaças transnacionais atuais.

Durante o Fuerzas Comando 2012, a página fuerzascomando.com manterá informações atualizadas sobre os resultados das competições.

Compartilhar:
Comente:
Gosta dessa história? Sim 6
Carregando conversa