• Home »
  • Uncategory »
  • U.S. Sent $5.2 Billion to Andean Countries in Last Five Years for Anti-drug War

Nos últimos cinco anos, os EUA enviaram US$ 5,2 bilhões aos países andinos para o combate às drogas

Por Dialogo
agosto 14, 2012

Os Estados Unidos destinaram US$ 5,2 bilhões aos países andinos para a luta antidrogas entre 2006 e 2011, dos quais a Colômbia recebeu 76 por cento e a Venezuela menos de 1 por cento, informou em 9 de agosto o gabinete de controladoria do Congresso (GAO).

O relatório avaliou positivamente o impacto da ajuda antidrogas à região, ao assinalar que diversos departamentos e agências norte-americanos “comunicaram haver cumprido ou excedido as metas anuais em medições-chaves de atividades de combate às drogas nos países andinos, a partir de 2007”.

Entre 2006 e 2011, os Estados Unidos destinaram US$ 3,92 bilhões à Colômbia, US$ 659 milhões ao Peru (13 por cento), US$ 366 milhões à Bolívia (7 por cento), US$ 233 milhões ao Equador (5 por cento) e US$ 7 milhões à Venezuela (menos de 1 por cento), resumiu o GAO.

Nesses cinco anos, a ajuda antidrogas dos Estados Unidos à região baixou 51 por cento, de US$ 1.189 bilhões em 2006 para US$ 588 milhões em 2011. A cooperação com a Colômbia foi “a pedra angular” das relações bilaterais, afirmou o GAO.

O trabalho conjunto foi “bem-sucedido” e as autoridades colombianas “assumem progressivamente mais responsabilidade” nos programas antinarcóticos, destacou.

Através do Plano Colômbia, os EUA destinaram mais de US$ 8 bilhões desde 2000, segundo o Departamento de Estado.

Um recente boletim do Gabinete de Controle Antinarcóticos da Casa Branca mostrou que no ano passado, pela primeira vez desde 1995, a Colômbia caiu do primeiro lugar mundial em capacidade de produção de cocaína pura, com 195 toneladas métricas, para abaixo das 325 toneladas métricas do Peru e 265 toneladas métricas da Bolívia.



Share