Estados Unidos doa ao Uruguai três Centros Móveis de Resposta a Emergências

The United States Donates Three Mobile Emergency Response Centers to Uruguay

Por Nastasia Barceló/Diálogo
setembro 20, 2016

O Exército Nacional do Uruguai conta agora com três Centros Móveis de Resposta a Emergências (MERC, por sua sigla em inglês) que poderão se deslocar para locais onde não existe infraestrutura de comunicação. O Comando Sul dos Estados Unidos (SOUTHCOM), através do Escritório de Cooperação e Defesa da Embaixada dos Estados Unidos no Uruguai, realizou a entrega do equipamento numa cerimônia realizada no dia 12 de agosto na 1ª Brigada de Comunicações em Montevidéu, da qual participaram a embaixadora dos Estados Unidos no Uruguai, Kelly Keiderling, e o comandante em chefe do Exército do Uruguai, General de Exército Guido Manini Ríos, Os centros móveis são facilmente transportáveis, de montagem rápida e podem ser ativados em menos de trinta minutos, permitindo conectar sistemas múltiplos de comunicações via satélite, rádio e internet. Seus geradores permitem operar com autonomia de sete a dez dias. "A doação dos MERC realizada pelo Escritório de Cooperação e Defesa dos Estados Unidos ao Exército Nacional constitui um marco importante para o Centro de Comunicações", afirmou à Diálogo a Segundo Tenente Mariana Meza, do departamento de comunicação social do Exército do Uruguai. "Esta doação permitirá formar um centro de comando e controle que terá por objetivo proporcionar as comunicações iniciais em operações de risco coletivo, emergências, desastres e catástrofes em qualquer parte do território nacional. Além disso, poderão também ser usadas nas missões realizadas sob o comando das Nações Unidas", acrescentou a 2° Ten Meza. O sistema dos centros móveis possibilita a interação operacional dos equipamentos de comunicações (rádio VHF e UHF, telefonia, internet e conexão via satélite), já que permite que alcancem locais remotos onde não existem redes de comunicação ou onde elas se encontram desativadas. De acordo com a 2° Ten Meza, há previsão de enviar um dos centros móveis para o Batalhão Uruguai IV, destacado na República Democrática do Congo. Manutenção da paz O Uruguai ocupa um assento não permanente no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) pelo período de 2016/2017. Atualmente, conta com 1.500 agentes da Força Aérea, da Marinha e do Exército em várias missões de manutenção da paz, principalmente no Congo (MINUSCO) e Haiti (MINUSTAH). A doação das unidades MERC ajudará a apoiar os esforços realizados pelo Uruguai na "manutenção da paz em nível mundial", informou a embaixadora Keiderling durante a cerimônia de entrega dos equipamentos. O Uruguai é um país reconhecido mundialmente por seu constante envio de forças de paz e a colaboração é parte fundamental da sua política externa. Historicamente, o país tem sido o maior contribuinte com tropas per capita para as forças de manutenção da paz da ONU, assim como um importante colaborador político e operacional. "Participamos de maneira ininterrupta das missões de manutenção da paz desde 1952 e, no total, mais de 45.000 homens e mulheres foram enviados para essas missões uma ou várias vezes", destacou o Tenente Coronel Alejandro Martínez, subdiretor da Escola Nacional de Operações de Paz do Uruguai. em entrevista à Diálogo. "Realmente, estamos muito orgulhosos de termos um acúmulo de experiências em relação às missões de paz, que poucos países possuem; no momento, além do pessoal militar, existem civis que cumprem funções distintas em áreas de missão", acrescentou o Ten Cel Martínez. A cooperação em matéria de defesa e segurança com os Estados Unidos é muito importante para que o Uruguai continue desenvolvendo suas capacidades como país promotor da paz. A responsabilidade principal de ambas as nações para os próximos anos é a de implementar os programas militares de assistência de segurança, exercícios, intercâmbios e assistência humanitária, com o propósito de promover as relações estratégicas nas áreas de interesse mútuo.
Share