República Dominicana apreende 1,7 tonelada de cocaína

República Dominicana apreende 1,7 tonelada de cocaína

Por Lorena Baires/Diálogo
dezembro 01, 2020

As forças de segurança da República Dominicana intensificaram suas operações para deter as organizações do crime transnacional. Entre 16 de setembro e 17 de outubro de 2020, confiscaram mais de 1,7 tonelada de cocaína em quatro operações lideradas pela Direção Nacional de Controle de Drogas (DNCD), com o apoio da Marinha e do Exército dominicanos.

No dia 17 de outubro, no Porto Multimodal Caucedo, no município de Boca Chica, agentes da DNCD inspecionavam os carregamentos destinados a Porto Rico e à Europa. Ao inspecionar um caminhão, trocaram tiros com dois indivíduos que estavam no veículo, onde os oficiais encontraram 306 quilos de cocaína, informou a DNCD à imprensa.

Dois dias antes, em 15 de outubro, a Marinha confiscou 444 kg de cocaína em uma operação de interdição marítimo-aérea, no litoral do município de San Pedro de Macorís. De acordo com a DNCD, a droga era transportada em uma embarcação pesqueira tripulada por dois dominicanos.

No dia 1º de outubro, membros do Exército reportaram a descoberta de 673 kg de cocaína, que encontraram ao inspecionar contêineres no Porto Multimodal Caucedo. A droga estava camuflada dentro de um carregamento de cacau.

Por fim, no dia 16 de setembro, a Marinha e a Força Aérea apreenderam 297 kg de cocaína em uma embarcação pesqueira. Os tripulantes lançaram ao mar os pacotes de drogas quando se viram encurralados pelas forças de ordem, informou a Marinha.

Ajuda do SOUTHCOM

Para apoiar os esforços contra o crime organizado transnacional e promover a segurança regional, o Comando Sul dos EUA (SOUTHCOM) doou, no dia 19 de setembro, oito veículos todo-terreno avaliados em US$ 670.000 à Marinha da República Dominicana, que informou em um comunicado que “os veículos serão utilizados pelo Comando Naval do Corpo de Fuzileiros Navais, para melhorar a segurança da costa e combater as ameaças transnacionais”.

Durante a entrega, segundo a Marinha, o encarregado de negócios da Embaixada dos EUA, Robert Thomas, destacou o sucesso contínuo do programa de cooperação: “Essa doação é apenas mais um elemento da constante colaboração existente entre nossas forças.”

Share