Polícia Rodoviária Federal do Brasil faz apreensão recorde de maconha

Polícia Rodoviária Federal do Brasil faz apreensão recorde de maconha

Por Taciana Moury/Diálogo
março 19, 2021

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, no dia 8 de fevereiro de 2021, quase 30 toneladas de maconha em Mato Grosso do Sul (MS). Segundo a instituição, foi a maior apreensão já realizada pela PRF no país até o momento.

A carga de 29,2 toneladas estava na carreta de um caminhão que transportava milho a granel. A apreensão, feita por policiais rodoviários federais da Delegacia da PRF em Dourados, MS, ocorreu na BR-267 entre os municípios de Maracaju e Rio Brilhante.

Balanço

A droga apreendida no dia 8 de fevereiro de 2021 estava escondida na carreta de um caminhão que transportava milho a granel. (Foto: Polícia Rodoviária Federal do Brasil)

Em 2020, foram retiradas de circulação mais de 727 toneladas de maconha. O número é 123 por cento maior do que as apreensões de 2019 e 137 por cento superior às de 2018, quando registraram 324 e 306 toneladas da droga, respectivamente, segundo balanço apresentado pela PRF no início do mês de fevereiro. As apreensões de cocaína também acompanharam a tendência de crescimento durante o ano de 2020 e tiveram um acréscimo de 25 por cento em relação a 2019.

O amadurecimento na forma de gestão, o aprimoramento da expertise e o desenvolvimento de novas competências, contribuíram para os resultados expressivos. “A PRF avançou e apresentou resultados históricos na linha do tempo dos últimos 18 anos. Em um comparativo com o ano de 2003, quando foram apenas pouco mais de 33 toneladas de maconha apreendidas, esse aumento supera 2.000 por cento”, disse a nota da PRF.

Os estados de Mato Grosso do Sul, com 387 toneladas, Paraná, com 146 toneladas e Minas Gerais com 39 toneladas, estão no topo do ranking dos estados que mais apreenderam maconha em 2020.

Para o ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, os resultados da PRF no ano de 2020 são consequência do investimento e do comprometimento de todos: “Em 2020, a PRF bateu todos os recordes em apreensões e combate ao crime! Prova de que com investimento, planejamento e valorização do profissional, os resultados aparecem”, afirmou o ministro ao site da PRF.

Share