Paraguai: Ajuda às populações vulneráveis

Paraguay: Helping Vulnerable Populations

Por Dialogo
outubro 01, 2012





Há muito tempo isoladas por estradas de barro e sujeira, as comunidades rurais, no

departamento de Concepción, receberam tratamento médico e educação do Exército paraguaio e

do Comando Sul de Operações Especiais dos Estados Unidos (SOCSOUTH), nos dias 2 e 3 de junho

de 2012.

Os militares e policiais paraguaios, em conjunto com o Ministério da Saúde e a

Secretaria Nacional Antidrogas, levaram médicos, cirurgiões, dentistas e enfermeiros para

tratar mais de 2.400 moradores. Serviços de laboratório e farmácia também foram fornecidos.

Suprimentos médicos foram doados para a clínica local em Arroyito e materiais

escolares foram entregues à Escola 12 de Abril, com uma bolsa de 70 mil dólares do Programa

de Assistência Humanitária do Comando Sul dos EUA.

O General Mario Restituto González Benítez, comandante da 4ª Divisão do Exército

Paraguaio, supervisionou a operação conjunta Exército-Polícia em Arroyito. Ele disse que

esta foi a primeira vez que suas tropas puderam operar completamente em Arroyito.

O comissário Hugo Cesar Barrios, chefe da Unidade de Operações Rurais da Polícia

Nacional, também destacou o objetivo do Governo de estabelecer relacionamento com a

comunidade. “É claro que quando falamos com as comunidades, queremos ganhar a sua confiança

e deixá-los saber que o Governo e a polícia estão aqui para apoiá-los.”

O Programa de Ação Cívica e Médica (MedCAP, por sua sigla em inglês) trouxe a

oportunidade para que militares e policiais servissem à população vulnerável, desenvolvessem

elos entre os serviços das duas nações parceiras e construíssem relações com a comunidade. O

Exército do Paraguai, a Polícia Nacional e o SOCSOUTH já planejam mais três MedCAPs em um

futuro próximo.

Fontes: Kelsey L. Campbell, SOCSOUTH, e Primeiro Sargento da Força Aérea Larry

Carpenter, SOCOM, http://spanish.paraguay.usembassy.gov



Share