Panamá: Autoridades encontram dois jatos em navio norte-coreano

Por Dialogo
julho 22, 2013



CIDADE DO PANAMÁ, Panamá – Autoridades panamenhas encontraram dois aviões de combate MiG-21 a bordo do navio de bandeira norte-coreana apreendido neste mês enquanto tentava passar pelo Canal do Panamá após deixar Cuba.
Os jatos supersônicos foram encontrados junto com partes de mísseis e outras armas em uma carga de açúcar, o que pode constituir uma violação da sanções da ONU que foram aplicadas à Coreia do Norte.
Cuba reclamou o cargueiro interceptado, afirmando se tratar de armas “obsoletas” que estavam sendo enviadas à Coreia do Norte para serem consertadas e devolvidas.
O plano dos especialistas em sanções da ONU é viajar ao Panamá para inspecionar a carga em 5 de agosto.
O presidente panamenho, Ricardo Martinelli, disse que os dois jatos, baterias antimísseis aéreos e outras partes foram encontrados a bordo.
A tripulação do navio Chong Chon Gang, de 35 homens, foi detida sob acusações de tráfico de armas.
A Coreia do Norte tem insistido que a carga é totalmente legítima e exigiu a liberação dos tripulantes, que deverão encarar pelo menos seis anos de prisão se condenados.
O Conselho de Segurança da ONU impôs severas sanções à Coreia do Norte quanto ao seu programa de armamento nuclear.

[AFP (Panamá), 21/07/2013; La Estrella (Panamá), 22/07/2013]

Share