O USS Zumwalt, o navio mais avançado da Marinha dos EUA, visita Mayport

Navy’s Most Advanced Warship USS Zumwalt Visits Mayport

Por USS Zumwalt (DDG 1000) Public Affairs
novembro 15, 2016

O navio de guerra mais avançado tecnologicamente da Marinha dos EUA, o destróier de mísseis guiados USS Zumwalt (DDG 1000), chegou em Mayport, na Flórida, em 25 de outubro, para uma visita ao porto, após um período de operações no Oceano Atlântico. O USS Zumwalt, o navio número um de uma classe de destróieres de última geração para missões múltiplas, apresenta um sofisticado sistema de propulsão elétrica, um casco tipo quebra ondas com curvatura para o interior, um desenho com tecnologia de invisibilidade ao radar e a mais moderna tecnologia de combate em guerra e armamentos existente. O Mayport é o quinto porto visitado pelo USS Zumwalt após a sua partida do estaleiro Bath Iron Works, em 7 de setembro. O navio foi comissionado em uma cerimônia em 15 de outubro em Baltimore, Maryland, durante a qual o Secretário da Marinha dos EUA, Ray Mabus, proferiu o discurso principal a mais de 7.000 convidados. “Chegamos a Mayport após uma semana de preparação muito bem-sucedida em Baltimore”, disse o Capitão de Mar e Guerra James A. Kirk, oficial comandante do USS Zumwalt. “A tripulação teve um desempenho excepcional em um período de operações e teste no mar e agora terá a chance de aproveitar a hospitalidade e o profissionalismo da Estação Naval de Mayport e da comunidade da região.” Os integrantes da tripulação do navio farão treinamentos e manutenção enquanto estiverem atracados em Mayport, mas também terão a chance de aproveitar eventos livres e recreativos. “Mayport tem um forte legado de apoio à Marinha”, comentou o CMG Kirk sobre o significado da visita inaugural do USS Zumwalt à comunidade costeira. “É uma experiência única, em primeira mão, entre muitas visitas a trabalho. Somos afortunados com a oportunidade de visitar e apreciar a cultura diversificada e exclusiva da Flórida.” O destróier da classe Zumwalt será capaz de realizar uma série de missões de dissuasão, projeção de força, controle marítimo, bem como comando e controle, ao mesmo tempo em que permite à Marinha evoluir com novos sistemas e missões. Ele faz tudo isso, enquanto mantém-se invisível ao radar - isso torna este navio de aspecto imponente difícil de ser localizado, seja perto da costa ou em alto-mar. Enquanto estiverem no porto, os tripulantes do USS Zumwalt farão visitas e integrações com outros navios de superfície da 4ª Frota dos EUA atracados em Mayport. “Estamos felizes com a oportunidade de exibir esta bela embarcação a nossos companheiros de ofício em Mayport e de interagir com a excelente comunidade que dá apoio a um componente vital de nossa frota de superfície”, disse o CMG Kirk. O USS Zumwalt personifica o legado da excelência em combate e inovação do Almirante de Esquadra Elmo R. Zumwalt Jr., veterano da II Guerra Mundial e dos conflitos da Coreia e do Vietnã. Ele exemplificou a honra, a coragem e o compromisso durante os 32 anos de dedicação ao serviço naval. Acreditando que era sua missão “modernizar e humanizar” a Marinha dos EUA, o Alte Esq Zumwalt escolheu abraçar a mudança e a liderou de dentro. O Alte Esq Zumwalt foi um reformador social que se dedicou aos marinheiros, criando um ambiente em que todos eram tratados igualmente – um legado que pode ser visto ainda hoje na diversidade da frota. Sua mentalidade de “uma só Marinha” lembra os marinheiros de hoje de que tomar conta de nossos combatentes garante que a Marinha permaneça forte, firme e em prontidão. “Não tenho palavras para expressar minha gratidão ao trabalho que a tripulação do USS Zumwalt realizou nos últimos seis meses”, disse o CMG Kirk. “Eles demonstraram excepcional conhecimento técnico, trabalho em equipe e firmeza e são agora os orgulhosos cuidadores de um navio de guerra comissionado que está servindo orgulhosamente na frota.” O USS Zumwalt desafiará adversários e sua forma de pensar sobre como os EUA empregam forças, oferecendo uma vantagem assimétrica. Trabalhando com destróieres da classe Arleigh Burke, navios de combate costeiro e navios anfíbios, para formar conjuntos de força adaptáveis, os destróieres da classe Zumwalt usarão seus recursos computacionais para tornar esses grupos mais letais por meio de maior alcance, dissimulação, integração de computadores e análise de dados vindos de diversas plataformas. Contando com sua tecnologia de invisibilidade ao radar, potência e tamanho, além de sistemas de combate avançados, este navio de guerra servirá como peça central para a dissuasão e estabilidade no ambiente marítimo. O USS Zumwalt está programado para começar seu deslocamento até seu novo porto de origem em San Diego, fazendo várias visitas a portos ao longo do caminho. Na chegada a San Diego, a tripulação começará a instalação de seus novos sistemas de combate, teste e avaliação, bem como a integração operacional com a frota. Quando estiverem totalmente integrados, a potência, o caráter invisível e a letalidade do USS Zumwalt proporcionarão um elo vital entre as necessidades atuais da Marinha e seus recursos futuros. Para obter mais informações, acesse www.navy.mil, www.facebook.com/usnavy ou www.twitter.com/usnavy. Para saber novidades a respeito do USS Zumwalt (DDG 1000), acesse http://www.navy.mil/local/DDG1000/.
Share