Inaugurada linha de produção de helicópteros militares no Brasil

Por Dialogo
outubro 05, 2012


A Helibras inaugurou uma nova linha de produção em sua unidade de Itajubá, no estado de Minas Gerais, onde serão fabricados os helicópteros EC-725, adquiridos pelas Forças Armadas brasileiras, e também a versão civil da mesma aeronave, o EC-225, utilizado no transporte entre o continente e as plataformas de exploração de petróleo em alto mar.

O investimento total do projeto é de R$ 420 milhões (US$ 207,86 milhões). Esse valor abrange as instalações físicas, os programas de treinamento e todas as obras e inovações necessárias à fabricação dos helicópteros.

Através desse acordo, a Helibras comprometeu-se a fabricar no Brasil 50 helicópteros multimissão. “Este programa atende aos interesses do governo em adquirir helicópteros personalizados com domínio da tecnologia e o incentivo à indústria nacional; também é importante para o consórcio Helibras/Eurocopter, que se capacita para fabricar aeronaves mais complexas”, assegura Eduardo Marson Ferreira, presidente da Helibras.

Em relação à rede de fornecedores, a Helibras já contratou 14 empresas brasileiras que fabricam componentes, peças e serviços e que já realizam os treinamentos necessários para pilotos, mecânicos, técnicos e engenheiros – na França e no Brasil. Tudo isto terá o acompanhamento de representantes das três Forças Armadas, garantindo a efetiva transferência de tecnologia exigida pelo governo brasileiro para esse programa.

Seguindo o cronograma do projeto, quatro unidades do EC-725 já foram entregues, uma em julho de 2010 e três em dezembro do mesmo ano. O prazo final para a entrega das 50 aeronaves será 2017. Os próximos helicópteros finalizados no Brasil já se encontram em Itajubá. Entre eles está a unidade que servirá como modelo para o desenvolvimento e a integração de sistemas e a primeira que passará integralmente pela linha de produção de Minas Gerais.

Entre as inovações promovidas na empresa por conta do contrato com as Forças Armadas está o desenvolvimento do Centro de Engenharia. Nos últimos três anos, esse setor cresceu tanto que o número de engenheiros aumentou quase oito vezes: de nove em 2009 para 70 este ano.

As novas instalações do complexo industrial da Helibras em Itajubá, Minas Gerais, foram construídas com as mais atuais técnicas de engenharia, com os mais avançados materiais utilizados na construção civil e com modernos conceitos de sustentabilidade.



Share