México prepara programa para organizar a imigração através de sua fronteira sul

Por Dialogo
julho 19, 2013



O México prepara um programa para organizar o fluxo migratório em sua fronteira sul, trabalhando de forma conjunta com os governos da Guatemala e Belize, cuja implementação ficará a cargo da Secretaria da Marinha, anunciou Miguel Angel Osorio Chong, secretário de Governo (Interior).
Este será “um projeto integral da fronteira sul, sob o comando da Secretaria da Marinha” para atender esta região do sul do país “que, nos últimos quatro anos, esteve desatendida”, disse Osorio Chong em uma entrevista coletiva durante uma visita com integrantes do gabinete de segurança a Chiapas (sudeste), estado na fronteira com a Guatemala.
“Não sabemos quantos (imigrantes) da América Central, América do Sul e de outros continentes ingressam em nosso país, não sabemos seu destino, não sabemos o que se passa com eles, e por isto não podemos garantir-lhes os direitos humanos”, informou o secretário ao justificar o projeto.
Os membros do gabinete de segurança viajaram a Chiapas para fazer uma vistoria que lhes permitisse conhecer os problemas existentes nos mais de 1.000 quilômetros da linha de fronteira, que também atinge Belize.
O programa foi elaborado para abranger o fluxo migratório, “parte da segurança nacional”, acrescentou ele, enfatizando que para que o plano funcione, será necessário trabalhar com os governos dos países vizinhos.
Mais de 200 mil estrangeiros entram ilegalmente por ano no México, a maioria através da fronteira sul, segundo estimativas do governo.
Após cruzarem a fronteira, os imigrantes entram ilegalmente em um trem de carga conhecido como “La Bestia”, sendo submetidos não apenas às intempéries mas também aos ataques de grupos criminosos e até mesmo de autoridades.
Recentemente organizações de ativistas denunciaram casos de imigrantes arrancados do trem em movimento por não terem meios de pagar as “cotas” exigidas pelos grupos criminosos. Muitos perdem a vida ou são mutilados pelas rodas do trem.
Share