Mais de 19 mil armas destruídas na Guatemala

Por Dialogo
setembro 21, 2012

Mais de 19 mil armas utilizadas na guerra civil guatemalteca (1960-1996) e em atos criminosos serão destruídas durante um concerto pela paz no dia 23 de setembro, informou o Ministério do Interior.

No concerto, denominado “Vozes pela paz”, será realizada “a destruição de mais de 19 mil armas que foram utilizadas na guerra e em atos de vandalismo, provocando mortes violentas que tanto mal causaram às famílias guatemaltecas”, informou a pasta do Interior em um comunicado.

O concerto será realizado no maior centro esportivo do país, o estádio Mateo Flores, na capital, e contará com a presença do presidente da Guatemala, Otto Pérez.

“Entregue-o à música e não à violência. A curiosa transformação de um fuzil agressor em uma guitarra amiga”, diz o anúncio do concerto, que mostra a silhueta de uma AK-47 transformada em um instrumento musical.

O evento, do qual participará o cantor de salsa nicaraguense Luis Enrique, surgiu como uma iniciativa do vice-ministro de Apoio ao Setor Justiça, em resposta à solicitação do presidente Pérez para que se abrisse um novo canal de divulgação do Pacto pela Segurança, Justiça e Paz.

A Guatemala vive uma onda de violência causada, principalmente, pelo narcotráfico e pelas quadrilhas violentas, que deixa cerca de 16 mortos por dia, um dos mais altos índices da América Latina.



Share