• Home »
  • Notícias »
  • Estados Unidos continuam apoiando o Equador no combate ao crime organizado transnacional

Estados Unidos continuam apoiando o Equador no combate ao crime organizado transnacional

Estados Unidos continuam apoiando o Equador no combate ao crime organizado transnacional

Por Missão dos EUA no Equador
abril 07, 2021

Os Estados Unidos trabalharam em conjunto com diversas instituições do Equador para que, unidos, possam enfrentar o crime organizado transnacional. Esse problema é a maior ameaça que enfrentam ambas as sociedades, pois põe em risco o Estado de Direito, a paz e a segurança da região.

No dia 3 de março de 2021, o Departamento de Assuntos Internacionais contra o Narcotráfico e Aplicação da Lei da Embaixada dos EUA, através da Fundação Pan-Americana para o Desenvolvimento, reformou os antigos escritórios da Unidade Nacional Especializada de Investigação contra o Crime Organizado Transnacional da Procuradoria Geral do Estado. Essa doação é o mais recente exemplo de como só através do trabalho em equipe se pode lutar efetivamente contra esse perigo.

Agora cada procuradoria tem um espaço ideal para os promotores e suas equipes de trabalho, bem como locais adequados e seguros para armazenar os expedientes fiscais. Além disso, foi construída uma sala para que os defensores analisem os processos com transparência e comodidade. O rearranjo arquitetônico permite que usuários, promotores, advogados defensores, vítimas e processados tenham acesso à justiça penal de forma digna.

Da mesma forma, através do apoio de especialistas internacionais em justiça criminal e direito penal, foi possível elaborar uma caixa de ferramentas composta por 10 manuais e guias de temas como: análise de contexto para enfrentar a macrocriminalidade, desenvolvimento estratégico da investigação para casos de corrupção, investigação financeira e patrimonial e desenvolvimento estratégico para a investigação de casos de narcotráfico, para citar apenas os mais relevantes. Foram distribuídos ao todo cerca de 1.000 exemplares desses manuais e guias aos promotores e suas equipes, para facilitar e orientar tecnicamente as complexas investigações contra o crime organizado e suas múltiplas manifestações.

Os investimentos realizados entre as reformas e os manuais foram de aproximadamente US$ 210.000.

“Sem a menor dúvida, essa doação ratifica os laços de cooperação entre nossos países e nos lembra que o governo dos EUA é um aliado do Equador no combate ao narcotráfico e no fortalecimento da segurança. Essa luta é de interesse mútuo e seus resultados beneficiam ambas as nações”, disse Michael J. Fitzpatrick, embaixador dos EUA no Equador.

Em novembro de 2019, os Estados Unidos iniciaram o Projeto de Criação de Capacidades do Setor Judicial Equatoriano para Combater o Crime Transnacional e o Narcotráfico. Esse projeto busca equipar promotores, juízes e policiais com ferramentas técnicas que lhes permitam entender o fenômeno do crime organizado, bem como capacidades e habilidades para facilitar a investigação e a judicialização bem-sucedida de casos de lavagem de dinheiro, narcotráfico ou crimes relativos à corrupção.

Por meio desse projeto, 657 funcionários do sistema de justiça criminal equatoriano foram treinados em litígio oral, técnicas de investigação e evidência digital, em 2020. Entre as pessoas capacitadas, 183 são funcionários da Procuradoria Geral do Estado, que se beneficiaram do treinamento.

O projeto chegou aos lugares mais complexos do território equatoriano. No dia 18 de fevereiro de 2021, 35 juízes penais e promotores das províncias de Manabí, Esmeraldas, Carchi, Sucumbíos e Imbabura foram capacitados em estratégias para julgar com sucesso os casos de crime organizado. Os investimentos realizados entre novembro de 2019 e fevereiro de 2021 chegam a US$ 750.000.

Os Estados Unidos continuarão apoiando o sistema de justiça criminal equatoriano pelos próximos dois anos através do projeto, com um investimento adicional de US$ 1,5 milhão. Juízes, procuradores e policiais serão os principais beneficiados com esse projeto.

Share