Equador apreendeu 24 toneladas de drogas desde janeiro de 2012

Por Dialogo
agosto 22, 2012

O Equador apreendeu 24 toneladas de drogas desde janeiro de 2012 através de operações que deixaram cerca de duas mil pessoas detidas, informou em 20 de agosto o diretor nacional da Polícia Antinarcóticos, General Juan Barragán.

“No decorrer deste ano, temos até o momento cerca de 24 toneladas de diferentes drogas apreendidas no país”, disse o oficial à Rádio Quito, acrescentando que a Polícia também conseguiu desbaratar “um número muito alto” de organizações criminosas de diferentes níveis.

Barragán disse que entre as drogas confiscadas incluem-se 8,4 toneladas de maconha e pasta base destinadas “ao mercado local”.

“Foram detidas cerca de duas mil pessoas e realizadas 2.440 operações com bons resultados”, disse o chefe do combate às drogas.

No Equador as apreensões de entorpecentes chegaram a 26 toneladas em 2011, frente a 18 toneladas em 2010 e ao recorde de 68 toneladas em 2009.

No dia 25 de julho passado, o presidente equatoriano, Rafael Correa, afirmou que seu país está adotando mecanismos para evitar a infiltração de organizações internacionais de narcotraficantes.

“Estamos tomando todas as medidas para evitar a infiltração de cartéis internacionais no Equador”, disse o governante, enfatizando que “em toda a região andina, o Equador é o único país que não produz coca”.



Share