Argentina: Prefeitura Naval e Gendarmaria apreendem 12,5 toneladas de maconha

Argentina: Prefeitura Naval e Gendarmaria apreendem 12,5 toneladas de maconha

Por Eduardo Szklarz/Diálogo
dezembro 22, 2021

Select Language

No dia 15 de novembro de 2021, militares da Prefeitura Naval Argentina apreenderam quase 2.500 quilos de maconha na localidade de Corpus, província de Missões. A operação começou na zona conhecida como Puerto Natural Revinski, localizada no quilômetro 1.664 do Rio Paraná. Os agentes detectaram ali uma embarcação que chegava à costa argentina vinda do Paraguai e retornava a seu país de origem.

“Os membros da Prefeitura se dirigiram ao local e rastrearam a área de intensa vegetação”, informou a Prefeitura em um comunicado. Os militares encontraram sacos espalhados no manguezal contendo 2.378 pães de maconha e pesando quase 2,5 toneladas, explicou a Prefeitura.

Membros da Gendarmaria Nacional Argentina interceptaram um caminhão com 5.433 kg de maconha na cidade de Oberá. (Foto: Gendarmaria Nacional Argentina)

10 toneladas de maconha

A operação de Corpus se soma a outras três realizadas na primeira quinzena de novembro na província de Missões. Ao todo, membros da Prefeitura e da Gendarmaria Argentina apreenderam quase 10 toneladas de maconha.

“Os três procedimentos realizados em Oberá, Santa Ana e Puerto Libertad confirmaram uma tendência que está em alta já faz algum tempo: é cada vez maior a quantidade de brotos de cannabis sativa que são traficados”, disse o jornal argentino Clarín.

A maior apreensão ocorreu na cidade de Oberá, onde o Esquadrão 9 da Gendarmaria interceptou um caminhão com mais de 5 toneladas de maconha na Rota Nacional 14. O veículo havia partido da cidade de São Vicente com destino a Buenos Aires, levando um carregamento de madeira.

Depois de vistoriar a documentação e confirmar que tudo estava em ordem, os gendarmes colocaram em ação o cão farejador de drogas Popi para examinar a carga. “O animal não tardou a reagir através do seu olfato treinado e apontou o setor onde as placas de madeira estavam empilhadas”, informou o Clarín.

Os militares utilizaram um escâner com raios X e confirmaram a presença de uma substância entre as placas. “O teste de campo Narcotest apontou resultado positivo para maconha, com um peso total de 5.433 kg”, disse a Gendarmaria.

Por sua vez, uma patrulha da Prefeitura surpreendeu um grupo de narcotraficantes com 4.356 kg de maconha na margem do rio Paraná. Os militares perceberam que uma camionete carregada de sacos seguia em alta velocidade por um caminho de terra perto da localidade de Puerto Libertad, em Missões. Imediatamente pediram apoio.

“Uma segunda patrulha conseguiu localizar o veículo, sem sacos e com dois tripulantes, saindo de uma moradia precária no Bairro Esperanza II, em fuga”, disse a Prefeitura. Com o apoio do cão farejador Indio, os agentes apreenderam 175 sacos contendo 5.515 pães com 4.356 kg de maconha, explicou a força.

Por outro lado, na localidade de Santa Ana, uma patrulha da Prefeitura detectou um homem carregando pacotes para um veículo. “O motorista do veículo foi detido imediatamente, constatando que ele tentava transportar 12 bolsas com brotos de maconha, com um peso de mais de 135 kg”, informou a agência de notícias argentina Telam.

Share