Suposto narcotraficante extraditado à Colômbia

Por Dialogo
fevereiro 14, 2012



BOGOTÁ, Colômbia – Autoridades equatorianas entregaram a seus colegas colombianos o suposto narcotraficante Heriberto Fernández, o “Beto”, na cidade fronteiriça de Ipiales, no departamento de Nariño, no sul do país.
O chefe antidrogas da polícia colombiana, general Luis Pérez, disse em 12 de fevereiro que a captura de Fernández aconteceu graças ao “excelente relacionamento” e à cooperação conjunta entre os dois países no combate às drogas.
“Graças à troca de informações entre as polícias colombiana e equatoriana, Heriberto Fernández, o ‘Beto’, chegou [em 12 de fevereiro] à sede de nossa agência antidrogas”, informou Pérez.
Fernández servia de elo entre o narcotraficante colombiano Daniel “El Loco” Barrera e o chefe mexicano do cartel de Sinaloa, Joaquín “El Chapo” Guzmán. Beto comandava o contrabando de drogas para Honduras, que eram recebidas pelos integrantes do cartel de Sinaloa. Autoridades relataram que o suspeito conseguiu enviar cerca de 7 toneladas métricas de cocaína à América do Norte.
Beto foi preso em 7 de fevereiro em Guayaquil, Equador, após entrar no país ilegalmente.

[DPA (Colômbia), 12/02/2012; Milenio (Colômbia), 12/02/2012]

Share