Mundial de Futebol 2014 terá um impacto positivo no PIB do Brasil

Por Dialogo
agosto 15, 2011


O Mundial de Futebol 2014 no Brasil terá um impacto positivo de 1,5 pontos percentuais no Produto Interno Bruto (PIB) desse país nos próximos três anos, com a criação de no mínimo 250 mil empregos diretos, segundo o Itaú Unibanco.

A instituição bancária apresentou um estudo sobre os efeitos econômicos da realização da Copa do Mundo, a primeira realizada no Brasil desde 1950.

O economista chefe do Itaú Unibanco, Illan Goldfajn, assegurou que os investimentos públicos e privados para o evento impulsionarão o PIB e abrirão caminho para uma expansão ainda maior da economia brasileira a longo prazo.

“O impacto direto dos gastos, tanto em infraestrutura quanto nos gastos do setor privado, significa 1% do PIB, e o restante vem do efeito multiplicador”, afirmou Goldfajn.

O Governo Federal do Brasil tem um orçamento de US$ 20,6 bilhões para investimentos em estádios, aeroportos, infraestrutura de transportes e comunicações, entre outras áreas diretamente ligadas ao Mundial.

Os investimentos privados concentram-se no setor turístico, principalmente na construção de novos hotéis.

O Banco Central do Brasil estima um crescimento de 4% do PIB em 2011. No ano passado, a economia brasileira cresceu 7,5%.



Share