2011-10-26

Beisebol: Beltré comanda time do Rangers na World Series

O terceira-base dominicano Adrián Beltré atingiu a marca de quatro home runs durante a pós-temporada, sendo que o último deles garantiu o empate na vitória do Rangers por 4x2 sobre o St. Louis Cardinals no Jogo 5 da World Series. (Tim Sharp/Reuters)

O terceira-base dominicano Adrián Beltré atingiu a marca de quatro home runs durante a pós-temporada, sendo que o último deles garantiu o empate na vitória do Rangers por 4x2 sobre o St. Louis Cardinals no Jogo 5 da World Series. (Tim Sharp/Reuters)

Por Dave Carey e Ezra Fieser para Infosurhoy.com—10/26/2011

SANTO DOMINGO, República Dominicana – O Texas Rangers está a uma vitória do primeiro título da World Series, depois que Adrián Beltré arrancou um home run na quinta entrada que garantiu o empate no Jogo 5 contra o Cardinals, abrindo caminho para a vitória por 4x2 que pôs seu time em vantagem (3x2) na série de melhor de sete.

O terceira-base dominicano atingiu a marca de quatro home runs na pós-temporada e poderá comemorar o principal título do beisebol depois do Jogo 6 em 26 de outubro. Caso a vitória seja do Cardinals, liderado por outro dominicano, o primeira-base Albert Pujols, o Jogo 7 acontecerá em 27 de outubro.

“Há 14 anos espero por isso”, declarou Beltré aos jornalistas. “Não tem sido fácil. Já joguei em times que não se saíram tão bem e outros que chegaram à pós-temporada mas perderam rápido. Estar nessa situação agora, tão perto, você quer terminar logo ganhando mais uma.”

Beltré tem um aproveitamento no bastão de 0,286, com oito corridas impulsionadas em 15 jogos da pós-temporada.

Já na temporada regular, sua média de rebatidas foi de 0,296, com 105 corridas impulsionadas e 32 home runs.

“Ele não entra em campo para jogar, entra para vencer”, disse o técnico do Texas Ron Washington aos jornalistas. “E é isso que Adrián Beltré faz. E contagia os demais colegas de time. Isso faz parte de estar entre 25 homens que estão em campo desde que estamos em campo. E agora temos essa oportunidade de chegar mais longe. Adrián resumiu tudo isso.”

Enquanto isso, o Cardinals tentará evitar as rebatidas potentes de Beltré e sua equipe com o canhoto Jaime García. O arremessador, de Reynosa, México, fez o impossível no Jogo 2 da World Series contra o Rangers, permitindo apenas três rebatidas depois de eliminar sete rebatedores contra apenas uma base por bola em sete entradas, antes de o time perder por 2x1.

Agora, ele terá que jogar tão bem na partida de 26 de outubro no Estádio Busch, em St. Louis, no estado de Missouri.

“Não importa como você está fisicamente, como está o tempo, seja em casa ou fora. Você tem que apoiar o time”, afirmou García aos jornalistas. “E isso é basicamente o que venho fazendo e vou continuar assim.”

E se García conseguir endurecer o jogo, Pujols terá a responsabilidade de levar seu time à vitória. Ele foi fantástico no Jogo 3, acertando 5 de 6 rebatidas, com três home runs e seis corridas impulsionadas na vitória por 16x7, empatando o recorde do esporte nas estatísticas da World Series.

Mas nos outros quatro jogos da série, ele somou 0 de 12 rebatidas, com quatro bases por bola e apenas uma eliminação.

“Eu chego e me preparo para jogar”, disse Pujols aos jornalistas. “Já estive nessa situação antes, quando as pessoas falam o que querem, e é assim, e não se pode pensar nisso. Meu principal pensamento é que estamos na World Series.”

Divulgada programação da Copa do Mundo de 2014 no Brasil

Finalmente, foi divulgada a programação da Copa do Mundo de 2014 no Brasil.

A abertura da competição acontecerá em 12 de junho de 2014, com a primeira partida marcada para as 19h (horário local) em São Paulo, anunciou a FIFA esta semana. A entidade máxima do esporte também declarou que as seleções deverão viajar em média 2.000 km entre os jogos.

“As seleções irão viajar pelo país, de modo que as cidades-sede terão a presença de todas elas”, explicou Jerome Valcke, secretário-geral do órgão, aos jornalistas.

As semifinais serão disputadas em 8 e 9 de julho, em Belo Horizonte e São Paulo, com a disputa do terceiro lugar programada para 12 de julho, em Brasília. A final deve ocorrer em 13 de julho, às 18h (horário local) no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

No total, serão 64 jogos em 12 cidades brasileiras.

“Dá para sentir que o futebol está no coração do Brasil, um país alegre e festivo, abençoado por belezas naturais e uma economia em expansão”, disse Valcke aos jornalistas. “O Brasil é um país fantástico, tão diverso e singular, bastante especial. Para todos nós, essa Copa do Mundo da FIFA será uma experiência muito especial no país pentacampeão do mundo. Para os brasileiros, sabemos que o objetivo principal é ganhar o Mundial em casa pela primeira vez. É uma expectativa enorme que a Seleção terá que cumprir.”

Mexicano Javier Hernández fica no inglês Manchester United

O Manchester United assinou com o atacante Javier “Chicharito” Hernández um contrato que garantirá sua permanência no gigante da Premier League até a temporada 2015-2016.

“Para mim, jogar no Manchester United é um sonho que virou realidade. Não esperava que meu primeiro ano fosse tão bom e estou feliz em me comprometer com o United”, declarou o jogador da seleção mexicana de 23 anos ao site do clube.

Hernández se tornou o primeiro mexicano a jogar no Manchester United, depois de ser transferido para o clube antes da temporada 2010-2011, quando marcou 20 gols nas partidas que disputou, ajudando o time a arrebatar seu 19º título da liga inglesa.

“Ganhar um título e participar da final da Champions League foi fantástico. Espero ajudar meus colegas de equipe na tentativa de levar mais troféus”, declarou.

Hernández se tornou o queridinho da torcida depois de uma impressionante e vitoriosa primeira temporada, sucesso esse que teria levado o Real Madrid, da Espanha, a tentar contratá-lo.

“Que eu me lembre, o último jogador que vi causar um impacto tão grande e rápido como Javier foi Ole Gunnar Solskjaer e ele me lembra muito Ole”, disse o dirigente do United, Sir Alex Ferguson, aos jornalistas.

Solskjaer marcou 19 vezes em sua primeira temporada pelo United, com 126 gols em toda sua carreira pelo time inglês entre 1996 e 2008.

Felipão fica no Palmeiras

Luiz Felipe Scolari não vai para lugar nenhum – pelo menos por enquanto.

Houve boatos que o técnico do Palmeiras teria recebido outras propostas, mas ele já afirmou que respeitará o contrato com o clube atual, que vai até 2012.

O boato mais forte indicava que o ex-técnico da Seleção e campeão mundial de 2002 estaria de malas prontas para o rival São Paulo.

“A última vez que pulei o muro, era solteiro”, brincou com os jornalistas sobre o muro que separa os centros de treinamento dos dois clubes. “Agora, não tenho idade para isso!”

O técnico de 62 anos disse que vai examinar suas opções no final do contrato, enquanto o São Paulo se mantém em sexto lugar no Brasileirão, contando com um elenco mais talentoso que o Palmeiras, o 13º colocado.

Já disse uma vez que o dia que eu terminar meu assunto, meu contrato, meu trabalho com o Palmeiras, sou livre para ir para qualquer clube do Brasil e do mundo”, assegurou aos jornalistas. “Tenho simpatia por alguns clubes pela forma de agir. Mas não posso escolher trocar A por B. Não quero trocar porque estou no Palmeiras.”

Esta reportagem está fechada para comentários e avaliações.