Arrow left
Arrow right

2010-05-04

ESTADOS UNIDOS

O atacante Clint Dempsey é o único jogador americano a marcar gol na Copa do Mundo nos últimos oito anos. (Pierre-Philippe Marcou/AFP/Getty Images)

O atacante Clint Dempsey é o único jogador americano a marcar gol na Copa do Mundo nos últimos oito anos. (Pierre-Philippe Marcou/AFP/Getty Images)

Apelido: The Yanks

Copas do Mundo: 9 (1930, 1934, 1950, 1990, 1994, 1998, 2002, 2006, 2010)

Campeonatos: 0

Vice-campeonatos: 0

Terceiro lugar: 1 (1930)

Como se classificaram: Os Estados Unidos venceram a Copa CONCACAF indo à final com 6 vitórias, 2 empates e 2 derrotas, somando 20 pontos, um a mais que o México e quatro a mais que Honduras. Os americanos marcaram 19 gols, garantindo sua sexta participação consecutiva na Copa do Mundo.

Treinador: Bob Bradley

Provável escalação

Goleiro: Tim Howard

Defesa: Jonathan Spector; Oguchi Onyewu; Jay Demerit; Carlos Bocanegra

Meio de Campo: Ricardo Clark; Landon Donovan; Michael Bradley; DaMarcus Beasley

Ataque: Clint Dempsey; Jozy Altidore

Jogos da Seleção: Os Estados Unidos, 14º no ranking da FIFA, estão no grupo C junto com a Inglaterra (8º), Argélia (31º) e Eslovênia (23º)

Partidas: 12 de junho contra a Inglaterra no estádio Royal Bafokeng, em Rustenburg; 18 de junho contra a Eslovênia no estádio Ellis Park, em Johanesburgo; 23 de junho contra a Argélia no Loftus Versfeld, em Pretória

Você sabia?

A chance dos Estados Unidos pode depender do jogador de Onyewu, que rompeu o tendão do joelho durante o jogo contra a Costa Rica pelas eliminatórias da Copa do Mundo e continua com sua participação incerta para deter os melhores artilheiros do mundo.

Donovan participa pela terceira vez na Copa do Mundo e é o artilheiro da equipe americana em saldo de gols (42) em 121 jogos, atrás de Cobi Jones (164), Jeff Agoos (134) e Marcelo Balboa (128).

Dempsey e Beasley marcaram cada um 17 gols pela equipe nacional, ao lado de Ernie Stewart (1990-2004), o sexto maior jogador na história da seleção. Beasley jogou 90 jogos pelo The Yanks desde a sua estréia em 2001, e Dempsey participou de 60 jogos desde 2004.

Já se passaram oito anos desde que um americano marcou gol em um jogo da Copa do Mundo. Em 2006, Dempsey marcou dois gols pela equipe americana - um contra a Itália e outro contra Gana.

Não se descuidem dos americanos. Quando jogam bem, eles podem enfrentar qualquer um - perguntem aos espanhóis e aos brasileiros. A vitória dos Estados Unidos de 2 a 0 sobre os espanhóis nas semifinais da Copa das Confederações terminou o 35º jogo com um ataque imbatível. No final, os Estados Unidos ganharam de 2 a 0 contra os brasileiros antes de serem derrotados por 3 a 2. E onde os dois jogos foram realizados? Na África do Sul, é claro....

Esta reportagem está fechada para comentários e avaliações.